Diabetes e problemas na tireoide: duas doenças de humanos que os pets também têm

Resultado de imagem para doenças humanas em pets

As doenças que afetam humanos, também podem ocorrer nos pets. Entre as mais comuns, estão a diabetes e o hipertireoidismo, entre outras.

Por isto, ao notar hábitos, como o cachorro bebendo água, urinando muito mais do que o habitual e perdendo peso ou, ainda, o gato inquieto e emagrecendo cada vez mais, chame um veterinário o quanto antes, pois seu animal pode estar com uma doença que também ocorre nos humanos.

Confira abaixo quais os tipos de doenças mais comuns que humanos e pets têm em comum.

Diabetes

Stijn Niessen, professor de medicina da Faculdade Real de Veterinária (RVC), tem notado um padrão comum e preocupante no aumento de casos de diabetes em humanos e também nos gatos.

Segundo o professor, atualmente, de cada 200 gatos, ao menos um carrega a diabetes do tipo dois. Este número é muito superior ao que era encontrado há três décadas, quando somente um a cada 900 gatos possuía este tipo de doença.

A principal causa deste aumento de diabetes entre os gatos, está nos hábitos dos animais que vivem em apartamentos, que pouco se movimentam e são alimentados excessivamente.

Entretanto, o professor indica que não é porque um gato está gordo que ele sofre da doença. Muitas vezes, o desenvolvimento da doença está ligado à genética do felino.

Além dos gatos, os cachorros também sofrem com a diabetes. Entretanto, trata-se da doença tipo 1. A cada mil cachorros, três têm esta doença.

Entre os principais sintomas das diabetes dos animais, estão a sede frequente, a urina constante e a perda de peso, como também ocorrem nos humanos. Os tratamentos podem ser realizados com injeções de insulina.

Problemas na Tireoide

Se o seu gato é hiperativo e brincalhão, come bastante, mas ainda assim, está perdendo peso, é bom ficar atento para ver se ele não está sofrendo de hipertireoidismo.

Este tipo de doença ocorre quando a glândula tireoide, que está localizada no pescoço, produz hormônios em quantidades excessivas. Tal condição ocorre de maneira similar entre humanos e pets.

O principal tratamento para os gatos é aplicando uma injeção de iodo radiativo no gato, matando as células muito ativas na glândula da tireoide.

Durante o período de tratamento, é necessário que os felinos fiquem isolados, já que eles poderão transmitir a doença por meio de suas caixinhas de areia. Este período de isolamento deve compreender algumas semanas.

Nos cães, os problemas na tireoide ocorrem de maneira oposta aos encontrados nos gatos. Um em cada mil cães sofrem com problemas de tireoides de pouca produção. Ente os principais sintomas que os cães demonstram, são o aumento do peso corporal, a falta de ânimo e a lentidão nos movimentos.

Assim como o indicado para os humanos, o tratamento deverá ser feito com uma terapia para substituir do hormônio da tireoide.

Duda Melzer, da RBS TV, anunciou a campanha de doação de sangue em seu twitter

Durante o intervalo da programação, a RBS TV tem lançado uma campanha de incentivo à doação de sangue. O canal afiliado à Rede Globo tem parceria com o

curso de Publicidade e Propaganda, da Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM-Sul), cujo objetivo é criar e exibir publicidade que visam ajudar a comunidade gaúcha.

A escolha do tema doação de sangue não foi escolhida à toa; os hemocentros do Rio Grande do Sul estão em situação de emergência. A assinatura da campanha para cada cidade foi customizada, e a campanha desenvolvida por alunos da ESPM-SUL com apoio da Promo RBS TV, criadora das chamadas.

Em sua conta no Twitter, Duda Melzer divulgou a campanha de incentivo à doação de sangue e pediu que as pessoas se juntassem nessa corrente de solidariedade.

Até o ano passado, cerca de 1,8% da população doava sangue, mas não era o suficiente para os estoques. O Ministério da Saúde trabalha constantemente para superar o índice de 1% da população doadora de sangue, que a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda como aceitável. Por isso, cada mobilização para incentivar à doação de sangue é importante, e a RBS TV apoia essa iniciativa.

Para doar sangue, basta:

  1. Ter entre 16 e 69 anos (menores precisam ter o consentimento de um responsável)
  2. Acima dos 60 anos apenas se já tiver doado antes
  3. Pesar no mínimo 50kg e estar em bom estado de saúde
  4. Ter dormido 6 horas, no mínimo
  5. Não ingerir bebidas alcoólicas 12 horas antes da doação
  6. Não fumar
  7. Não estar em jejum
  8. Levar documento de identidade com foto

É importante tomar alguns cuidados tais como: Febre, gripe, gravidez ou tatuagem feita nos últimos 12 meses podem ser impedimentos temporários para a doação de sangue. Já quem teve hepatite (após os 10 anos de idade) e malária, por exemplo, não podem doar.

Mais informações sobre outros impedimentos temporários e definitivos pelo site da Hemocentro.

Duda Melzer é o presidente da emissora e terceiro da sua geração a ocupar o cargo

RBS TV (Rede Brasil Sul de Televisão) é uma rede de televisão sediada em Porto Alegre, pertence ao Grupo RBS e possui 12 afiliadas à Rede Globo.

Duda Melzer é chairman e está a frente do canal desde 1º de janeiro de 2016, sucedendo Nelson Sirotsky na presidência do Conselho de Administração do Grupo RBS.

O grupo RBS estava entre as três empresas de mídia e internet no país que mais agregaram valor aos seus públicos em 2014, ao lado do Google e Globo. Além disso, segundo a revista Info, da editora Abril, o grupo comandado por Duda Melzer foi considerada uma das 10 empresas mais inovadoras do Brasil.

Duda Melzer ganhou alguns prêmios como o Prêmio Caboré 2016 na categoria Profissional de Veículo, foi destaque Profissional 2009 da Associação Brasileira de Propaganda (ABP), Prêmio Empreendedor do Ano 2015 (Ernst e Young) na categoria Family Business, dentre outros

Saiba a diferença entre alimentos orgânicos e alimentos com agrotóxicos

Resultado de imagem para alimentos organicos

 

Você sabe o que é alimento orgânico? O alimento orgânico é um alimento que é livre de agrotóxicos e de componentes químicos para o seu crescimento. O alimento não orgânico é o alimento que tem esses agrotóxicos, esses componentes químicos para que ele cresça com mais facilidade e rapidez.

Com o crescimento da população os agricultores passaram a usar técnicas cada vez mais agressivas para produzir mais e mais alimentos. Na agricultura convencional o uso de agrotóxicos passou a ser comum. Essas substâncias ajudam a combater pragas e aceleram o processo de produção. Com isso a agricultura familiar e orgânica, que não recorre a esse tipo de substância ficou de lado.

Os alimentos orgânicos voltaram a moda no Brasil na década de 90, mais só em 2003 surgiram leis para regulamentar esse tipo de produção. Nova York nos Estados Unidos é hoje a capital da comida saudável e dos orgânicos. A cidade que antes era conhecida por pizzas e fast food, agora tem uma feira orgânica em cada esquina.

Tem todo o tipo de alimento orgânico. Podemos encontrar verduras, legumes, frutas, hortaliças, ovos e também variedades de carnes. Todos produzidos de forma orgânica e sempre alimentos frescos. Mas você saberia responder se os produtos orgânicos são mais nutritivos do que os não orgânicos? Será que esses alimentos são realmente melhores para a saúde?

“Os benefícios e vantagens dos alimentos orgânicos são vastos, são enormes. No alimento orgânico você não tem componentes químicos que fazem muito mal para a nossa saúde, os pesticidas, os agrotóxicos e metais pesados”, explica a nutricionista, Ruth Mercúrio.

Quem consome alimentos com essas substâncias nocivas em grande quantidades corre o risco de contrair várias doenças, muitas delas graves.

“Quem consome alimento orgânico pode evitar câncer, artrite, reumatoide. Nós podemos evitar doenças pulmonares, doenças cardiovasculares, aterosclerose. Nós podemos evitar doenças mentais como Alzheimer, Parkinson, praticamente todas as doenças podem ser evitadas com o consumo de uma alimentação orgânica constante”, diz Ruth.

“Alimento orgânicos possuem mais nutrientes, contendo de 3 a 4 vezes mais esses nutrientes em relação a alimentos produzidos com o uso de produtos químicos. Eles possuem mais antioxidante e com certeza não contêm agressores como metais pesados”, explica Ruth.

Alguns agrotóxicos utilizados para a produção de alimentos em grande escala afeta o tamanho, a cor e o gosto dos alimentos. Mesmo que alguns alimentos convencionais sejam maiores e as vezes não apresentam defeitos, isso é só aparência e são perigosos para a saúde de um modo geral. Para ter certeza que um alimento foi produzido de forma orgânica, você deve ter confiança em seu fornecedor e estar atento as certificações que trazem esses produtos. Geralmente são alimentos mais caros chegando a ser 70% mais caros em alguns produtos. Isso é devido ao seu custo de produção e pouca procura em relação a alimentos convencionais, mas lembre-se, a saúde não tem preço.

Desde 2008, o Brasil é o maior produtor de alimentos com uso de agrotóxicos.

 

 

Veja algumas dicas para aliviar os sintomas da rinite

Resultado de imagem para rinite

A gripe e o resfriado são as duas principais doenças que acometem os seres humanos no início do outono. No entanto, a rinite é um mal que acomete um grande número de pessoas durante todas as épocas do ano, mas também se intensificam com a chegada do frio. Os portadores da rinite já ficam temerosos só de ouvir falar de outono e inverno, isso porque sabem que com a chegada do frio, os sintomas ficam ainda piores, e muitas vezes, os antialérgicos acabam não sendo suficientes para aliviar o mal.

Quem sofre com o problema está cansado de ouvir dicas de aliviar os sintomas da rinite, e ainda mais de ouvir dicas para evitar contato com agentes alergênicos. Na casa dos alérgicos é comum encontrar um balde de água debaixo da cama, ou em algum canto do quarto, janelas abertas mais tempo que o comum, e a ausência de objetos que acumulam poeira, como cortinas, tapetes, enfeites, entre outros.

Para ajudar quem sofre com a rinite, o especialista em otorrinolaringologia, Olavo Mion, e professor de medicina na Universidade de São Paulo, revelou algumas dicas importantes para aliviar os sintomas de mal-estar.

Rinite não combina com poluição e ar condicionado

O Dr. Olavio Mion relatou: “Com o ar mais seco, frio e poluído, as vias respiratórias se sobrecarregam e tentam melhorar a qualidade do ar que entra nos nossos pulmões, fator que aumenta os sintomas das alergias”.

Para o especialista, a primeira medida de quem tem rinite, é evitar os ambientes mais poluídos, como as grandes cidades, e a exposição ao ar condicionado. Ele afirmou: “Dentro de casa, por exemplo, o ideal é nunca usar o ar condicionado, pois ele tira a umidade do ambiente”.

Umidificadores de ar podem ser um problema

O professor da USP aconselha que os pacientes evitem o uso exagerado do umidificador. Ele revela que é preciso alguns cuidados, para que a solução não vire problema: “O excesso do umidificador ou o mau uso dele podem causar mofo dentro de casa, e nesse caso ele terá o efeito contrário ao desejado”.

Essa é uma regra para os alérgicos, mofo, assim como a poeira são agentes alergênicos. Além de usar o umidificador com cuidado é preciso estar sempre atento as zonas mais úmidas da casa para evitar o mofo.

Varrer a casa pode piorar a rinite

Varrer faz com que a poeira levante e se acumule em objetos próximos. Além disso, aspirar o pó também pode ter o mesmo resultado. O médico especialista afirmou: “Varrer e aspirar não eliminam totalmente a poeira. O ideal é sempre tirar o pó com pano úmido, que gruda a poeira e evita que ela se espalhe”.

Alimentação de qualidade é fundamental para quem tem rinite

A alimentação pode contribuir para a prevenção e para o tratamento de muitas doenças. No caso da rinite, ela é uma ótima aliada para aliviar os sintomas. A dica é consumir muita vitamina C e tomar bastante sol. Essas duas medidas são muito importantes para uma melhora no mal-estar.

Flavio Maluf reporta sobre a possível mudança na sede da Unilever

O anúncio feito pelo Grupo Unilever de que a empresa está considerando desistir de sua dupla nacionalidade britânica-holandesa e definir a sua sede na cidade de Londres ou então em Roterdã, na Holanda, pode representar um importante apoio ou um duro golpe para a estratégia da primeira-ministra britânica Theresa May sobre a saída do Reino Unido da União Europeia (Brexit), reporta o presidente das empresas Eucatex, Flavio Maluf.

São poucas as empresas que possuem a importância da Unilever para os britânicos. Segundo estimativas, os produtos da empresa, desde a pasta Marmite até a maionese Hellmann’s, fazem parte da rotina alimentar de 98% das famílias do Reino Unido.

Por essa razão, mesmo que essa decisão não gere impactos na oferta de empregos oferecida pela empresa no país, uma mudança de nacionalidade para os Países Baixos seria um sinal evidente de que as grandes empresas estão receosas e descrentes em relação ao Brexit, noticia Flavio Maluf. Paralelamente, se a Unilever escolher pela nacionalidade exclusivamente britânica, Theresa May irá utilizar essa questão como um sinal positivo de que os investidores estão sendo otimistas.

De acordo com o professor sênior em economia da University College London, Randolph Bruno, Theresa May sabe que a partir de agora, qualquer grande multinacional que decida sair do Reino Unido representará uma publicidade bastante negativa para o país, que está no início de um processo delicado de negociações com a União Europeia. Para contornar esse problema, a primeira-ministra vem tentando convencer as grandes corporações de que o Reino Unido é um país amigável para elas, sugerindo inclusive que os impostos podem ser reduzidos nos próximos meses.

Para a Unilever, essa questão da mudança na nacionalidade foi colocada em consideração após a oferta não solicitada da Kraft Heinz, realizada no mês de fevereiro. Desse modo, o presidente do grupo, Paul Polman, declarou estar estudando uma forma de tornar a empresa mais eficiente em descartar aquisições hostis, noticia o empresário Flavio Maluf.

Apesar de ainda não ter manifestado publicamente qual seria a preferência da empresa entre o Reino Unido e a Holanda, Paul Polman já havia declarado que uma aquisição hostil como a que a Kraft Heinz tentou fazer teria encontrado maiores obstáculos caso a empresa tivesse como sede exclusiva a cidade de Roterdã.

De todo modo, esse anúncio da Unilever ampliou os holofotes da mídia internacional para o impacto ocasionado pela separação do Reino Unido da União Europeia, reporta Flavio Maluf. Em ocasiões normais, isso não teria gerado tanta comoção, de acordo com Mohan Sodhi, especialista da Cass Business School que pertence a University de Londres.

Sobre o tema, os especialistas garantem que o Brexit é capaz de impulsionar a Unilever em fixar sua sede em Roterdã, mas que mesmo que isso aconteça, é necessário ressaltar que isso não significa que a empresa irá deixar o Reino Unido. Independente de qual seja a decisão, ela manterá seus funcionários no país. Contudo, essa mudança da sede funcionará mais como um impacto emocional, e a preocupação é que isso influencie outras empresas a seguirem pelo mesmo caminho, noticia Flavio Maluf.

 

Fonte

 

Cigarro é responsável por 10% das mortes em todo o mundo 

A cada 10 mortes ocorridas em todo o mundo, uma é consequência do cigarro. E metade de todas as mortes causadas pelo uso do tabaco, se concentram em apenas quatro países: Rússia, Índia, China e Estados Unidos. Esses quatro países juntos somam mais da metade das mortes causadas pelo cigarro. Os dados foram coletados através de um estudo publicado recentemente pelo The Lancet.

A pesquisa analisou ao todo 195 países entre os anos de 1990 a 2015. O Brasil dessa vez não foi responsável por ranquear a lista. Pelo contrário, o Brasil foi elogiado pela diminuição do total de brasileiros fumantes dentro dos últimos anos.

A pesquisa teve o financiamento de duas instituições: Bloomberg Philanthropies e Bill & Melinda Gates Foundation. O estudo revelou que, somente em 2015, o número de fumantes no mundo era de 1 bilhão de pessoas. O número de fumantes relatado pelo estudo se refere apenas aos fumantes que fumavam diariamente, o total seria ainda maior se fosse levar em consideração os fumantes ocasionalmente. Esse total é equivalente a um homem em cada quatro no mundo e uma mulher em cada vinte.

Evidentemente o número aumentou, de acordo com uma população mundial também maior. Com isso, o número de mortes pelo uso do cigarro também aumentou. Segundo o estudo, as mortes por causa do fumo aumentaram 4,7%, entre 2005 e 2015. O aumento do consumo, assim como das mortes, também pode ser um reflexo da posição mais agressiva com que a indústria do tabaco se posicionou no mercado. Os pesquisadores avaliam que as companhias passaram a adotar estratégias mais agressivas para atrair mais dependentes químicos, principalmente nos países em desenvolvimento.

A autora do estudo, Emmanuela Gakidou, revelou em uma entrevista: “Apesar de mais de meio século de evidências dos efeitos prejudiciais do tabaco na saúde, atualmente, um em cada quatro homens no mundo fumam diariamente”. Ela ainda avaliou: “Fumar cigarro continua sendo o segundo maior fator de risco de mortes prematuras e deficiências. Para reduzir esse impacto, devemos intensificar seu controle”, avalia a pesquisadora.

A conclusão do estudo foi de que alguns países apresentaram bons resultados, diminuindo o número de fumantes através de impostos mais altos sobre os cigarros e com o próprio meio de conscientização dos danos à saúde provocados pelo consumo da droga licita. No entanto, países como: Bangladesh, Filipinas e Indonésia, ainda apresentam um número alto de fumantes. Em 25 anos de estudo, esses países foram os que menos apresentaram alterações, tanto pra mais, quanto pra menos. No caso da Rússia, o aumento foi maior por parte das mulheres. Essa peculiaridade também foi notada na África, um aumento significativo por parte das mulheres no consumo do tabaco.

Veja os danos à saúde provocados pelo cigarro.

 

4 hábitos que contribuem para uma vida saudável

Você está em busca de uma vida saudável? Sabia que pode contribuir para isso adotando alguns hábitos de vida simples de serem incluídos em sua rotina? Sabia que essa mudança depende apenas de você?

De fato, com algumas alterações no nosso dia a dia é possível conquistar mais saúde e qualidade de vida. Comer bem, dormir boas noites de sono, exercitar-se diariamente são algumas delas. O que acha, então, de começar agora e não deixar para depois? Acompanhe!

Alimente-se bem

Ter cuidado com o que você coloca em seu prato é muito importante para manter a boa saúde. Por isso, na hora de escolher os alimentos, evite aqueles ricos em gorduras saturadas, açúcar e carboidratos em excesso, bem como aqueles com excesso de sal que tem ação direta na pressão arterial.

O ideal é buscar uma alimentação saudável e balanceada, rica em fibras, proteínas, vitaminas e minerais. Ou seja, mantendo uma alimentação balanceada, sem excessos, é possível encontrar o equilíbrio alimentar e se manter saudável.

Pratique uma atividade física regular

Outro cuidado que não pode faltar na vida de quem busca uma vida saudável é a atividade física. Fazer exercícios físicos regulares, evitando o sedentarismo contribui para evitar doenças, como hipertensão arterial, obesidade, diabetes e doenças cardiovasculares.

Alguns minutos de atividade física diária são suficientes. Pode ser por meio de caminhada, corrida, ginástica, musculação e muitas outras atividades, bastando que você escolha aquela que mais se identifique e que leve a sério.

Estudos já comprovaram que a atividade física regular interfere no funcionamento cerebral e na memória, inclusive na capacidade do organismo em produzir novos neurônios. Assim, seja em qualquer faixa etária que você se encontre, vale a pena sempre investir em atividade física.

 

Durma bem para uma vida saudável

Dormir uma boa noite de sono é fundamental para a saúde. Durante esse período você repõe as energias e se prepara para uma nova jornada que se inicia no dia seguinte. Por isso, se você possui alguma dificuldade para dormir, que seja preparado um ambiente propício para que o sono surja.

Evitar televisão e aparelhos eletrônicos, como tablet e celular, junto a você na hora de dormir é o mínimo que você pode fazer para criar um clima favorável ao sono. Criar uma rotina de horário é outra boa dica que contribui para a chegada do sono, bem como evitar alimentos pesados próximo ao horário de ir para a cama.

 

Evite o estresse

Apesar de ser uma tarefa quase impossível, diante dos problemas e cobranças do mundo em que vivemos — devemos fazer tudo para evitar o estresse. Esse sintoma emocional se caracteriza por algumas sensações, como desconforto, medo, frustração, preocupação, irritação, entre outras. Ele contribui e muito para o surgimento de problemas de saúde, como a hipertensão arterial.

Uma dica para evitar esse mal é buscar terapias que acalmem, como a ioga, exercícios de relaxamento, meditação, entre outras. Elas contribuem para o controle da ansiedade, que em excesso pode causar o problema.

E você, faz alguma coisa para manter uma vida saudável? Comente e compartilhe sua opinião com a gente! Vamos gostar muito de sua participação!

A magia do outono e as consequências para o ser humano

 

Resultado de imagem para outono

Folhas amareladas que caem das árvores formando verdadeiros tapetes mágicos na paisagem, assim é conhecida a estação do ano chamada de outono. Período de transição entre duas estações opostas, ocorre depois do verão e antes do inverno, sendo considerada por muitos como um período de renovação.

Apesar da sua magia as principais características deste período são o aumento da ocorrência de ventos, redução da temperatura e diminuição da umidade do ar, fatores que trazem consequências diretas para o organismo do ser humano.

Outono e as doenças da estação

Ventos fortes são os vetores que ajudam a disseminar doenças respiratórias através da poeira, fuligem das fábricas, fumaça dos veículos ou o pólen das plantas, causando irritação na mucosa nasal.

A queda brusca de temperatura pode facilitar a ocorrência de distúrbios, o organismo reage a mudanças drásticas fazendo esforço para manter a temperatura ideal, sair de um ambiente aquecido para um frio, por exemplo, deixará o organismo sobrecarregado podendo levar a queda das defesas do corpo, tornando a pessoa mais suscetível a enfermidades.

A diminuição na umidade do ar faz com que as vias aéreas fiquem mais ressecadas causando problemas respiratórios, inflamatórios e alérgicos.

Doenças sazonais

Doenças características de uma época ou estação do ano podem ser mensuradas através de gráficos para identificação de padrões de ocorrência e transmissão de doenças em um determinado período, é um monitoramento com o objetivo de agilizar métodos de intervenção e controle.

Principais sintomas

Os sintomas aparecem como um sinal de alerta e variam conforme o problema. São eles: febre, tosse, coceira no nariz, dores pelo corpo e fraqueza, estes são alguns indicativos dos problemas causados pela chegada do outono.

Principais problemas

Sinusite: inflamações da mucosa dos seios nasais podem ser desencadeadas pelo ar como a poeira, pólen e poluição.

Rinite alérgica: defesa do organismo a partículas inaladas consideradas estranhas, poeira doméstica e pólen.

Amigdalite: amígdalas inchadas e vermelhas, febre, dificuldade e dor ao engolir, causada pela presença de vírus ou bactéria nas amígdalas.

Prevenção

Alguns cuidados simples para evitar problemas no outono como lavar o nariz com soro fisiológico, deixar o ambiente ventilado principalmente quando houver muitas pessoas no local, lavar as mãos frequentemente, ingerir líquidos, manter uma dieta equilibrada e procurar a ajuda de um especialista.

Aproveitar a magia e beleza da estação numa verdadeira renovação para o corpo e o espírito nos reconectando a sintonia direta com a natureza, com saúde e, por conseguinte com boa disposição mental para absorver as belezas do outono.

4 Pequenos Erros que todo Disciplinado Comete em uma Dieta

Seguir a risca uma dieta saudável é a primeira e mais rigorosa regra de quem procura emagrecer com saúde. Entretanto, alguns erros pequenos são cometidos até por aqueles que se consideram disciplinados. Dessa forma, a dieta, até o momento considerada saudável, acaba gerando resultados não esperados.
Para reverter a situação, é necessário encontrar as falhas, que muita das vezes podem estar nos pequenos detalhes dos produtos saudáveis. Na lista abaixo estão os erros mais comuns cometidos por pessoas disciplinadas que seguem uma dieta que geralmente fornecem resultados.
1. Esquecer de temperar a salada.
Além da presença de vários antioxidantes, os legumes e verduras contêm vitaminas lipossolúveis, que são solúveis em gorduras. Entre elas, estão as vitaminas K, E e A – que precisam de gordura para serem absorvidas pelo organismo. Por essa razão, saladas devem ser temperadas com alimentos ricos nesse nutriente.
Abacate, azeite, queijo ou nozes são alguns exemplos. Não importa a dieta, o que importa é temperar a salada com uma certa quantidade de gordura para que as vitaminas solúveis em gordura possam executar seu papel no organismo.
2. Ingerir sementes de linhaça inteiras
Consideradas um laxante natural, que combate a prisão de ventre, as sementes de linhaça traz em suas propriedades as fibras, o ômega-3 e as lignanas – que são poderosos antioxidantes. Essas sementes, quando consumidas no café da manhã, acompanhadas de cereal ou iogurte, auxiliam o intestino a funcionar corretamente.
No entanto, elas estão sendo ingeridas da maneira errada, de modo inteiras. Dessa modo, quando chegam ao organismo, o intestino não consegue digeri-las. Para evitar a pequena falha, é recomendado consumir as sementes trituradas ou em pó, facilitando assim a absorção dos nutrientes.
3. Não agitar a garrafa de leite de arroz,amêndoa ou soja antes de beber
O leite de arroz, de amêndoa ou de soja são fortes alimentos de uma dieta saudável. Só que o problema está no fundo da garrafa, pois o liquido, que costuma ser fortificado com vitamina D e Cálcio, está concentrando esses nutrientes no fundo. E ao consumir o leite sem agitar, corre o risco de perder os principais nutrientes.
4. Após o exercício, tomar bebidas energéticas
Para ingerir bebidas do tipo, é preciso ter realizado atividades físicas com um esforço excepcional. Por exemplo, participar de uma maratona. Caso contrário, beba água. A dica também vale para esporte amador, já que em muitos casos não ocorre mais de uma hora de treinamento.
Como pode notar são pequenos deslizes que podem colocar a dieta por água abaixo. Então, a partir de agora, fique atento e inicie as mudanças para conquistar os resultados positivos.

 

O novo conceito do Copa Star

O Hospital Copa Star foi construído na cidade do Rio de Janeiro, mais precisamente na região de Copacabana e traz consigo um novo conceito na forma como são pensados e definidos todos os procedimentos hospitalares, desde a sua metodologia até à forma como os pacientes são tratados durante o seu período de estadia no complexo hospitalar. O conceito inovador que o Hospital Copa Star trouxe para o sistema de saúde brasileiro passa pela qualidade oferecida através de pessoal qualificado e experiente para as várias áreas profissionais do hospital e oferecer um serviço de saúde especializado em cada situação em particular, bem como pela garantia de qualidade de todos os equipamentos ao dispor do paciente.

No que diz respeito ao atendimento especializado, também os acompanhantes dos pacientes são abrangidos pela excelência do atendimento. O Copa Star foi desenhado e concebido pelos seus arquitetos para transmitir um ambiente pacífico e relaxante que fizesse passar despercebido o ambiente dos hospitais. Por isso, os corredores e os quartos apresentam aromas personalizados para eliminar os odores tradicionais dos hospitais. Para além disto, o hospital carioca oferece variados serviços como áreas de acolhimento, estruturas tecnológicas para que os clientes e os médicos possam interagir com o paciente, lazer, restaurantes, etc.

Os valores do hospital Copa Star prezam que os funcionários estejam sempre presentes e predispostos para atender as necessidades do cliente sempre que ele precisar. Por isso, os funcionários estão preparados para atuar em qualquer situação delicada e dar o máximo de ajuda possível ao paciente e aos acompanhantes. O atendimento ao paciente é centrado na valorização do próprio e na avaliação e no respeito ao momento delicado que o paciente está a passar. Para apresentar este nível de excelência no atendimento personalizado, os funcionários do hospital tiveram uma formação especialmente dedicada na forma como devem tratar os clientes., incluindo sessões de simulação de procedimentos para que estejam aptos a prestar um alto nível de qualidade nos seus serviços.

Já no que toca às funcionalidades e equipamentos disponíveis, o Copa Star traz consigo novos conceitos para pôr em prática. A primeira novidade está no facto das macas com pacientes circularem em corredores exclusivos e concebidos para o efeito, fazendo com que os acompanhantes deixem de ver macas a circularem nos corredores principais. Outra novidade é a utilização de equipamentos eletrônicos com aplicativos focados na comunicação dos pacientes com os médicos e enfermeiros, contudo estes aplicativos também fazem com que o cliente tenha total liberdade em personalizar algumas componentes do seu quarto com o mínimo de esforço necessário como o leito, a iluminação, as cortinas, etc. Por fim, a novidade mais interessante está na criação ou implementação de tecnologia de ponta nas salas de cirurgia permitindo que seja possível que os funcionários realizem exames urgentes e imprescindíveis durante um ato cirúrgico.

Em suma, o conceito do hospital que pertence a Rede D’Or está na prestação de um tratamento de elevada qualidade, acompanhado por funcionários de qualificados e experientes sem esquecer a necessidade de oferecer condições excelentes e confortáveis para uma recuperação rápida e eficaz.